sábado, 31 de março de 2012

Grupo de louvor da Bereiano



Esse louvor foi realizado no dia 30 de março de 2012 e faz parte do culto de gratidão pelos 29 anos de existência do Colégio Bereiano .

sexta-feira, 30 de março de 2012

Colégio Bereiano: “29 anos Ensinando para Transformar Vidas”!





Hoje é um dia de festa; afinal, não são todos os dias que se comemoram 29 anos de existência. E como se não bastasse, vinte e nove anos Ensinando para Transformar Vidas.

Logo cedo podíamos sentir, pela pressa daqueles que fazem a direção do colégio, equipe técnica, professores, alunos e funcionários, o quanto essa data é significativa para todos. A preparação da celebração estava a todo vapor. Às 9h14min, já na quadra de esporte, iniciava-se o culto de celebração por mais um ano de vida dessa instituição, que é um projeto de Deus entre os homens.

A programação dessa manhã festiva teve como ponto alto a pregação da palavra, premiações dos vencedores do Concurso de Redação dos Correios, posse dos novos líderes de turma e um lindíssimo louvor ao nosso Pai eterno.

A palavra de Deus foi transmitida em versos pela Profa. Socorro Torres, uma ministração que causou grande impacto aos ouvintes. Concluída esta parte, o culto foi encerrado e todos os celebrantes foram chamados a partilhar de um bolo de aniversário.

Como e por que os homens trabalham

A revista Nova Escola do mês de abril [nº251 - 2012] traz uma importante matéria sobre o mundo do trabalho e como explorá-lo em sala de aula. A reportagem assinada por Daniele Pechi tem por título “Como e por que os homens trabalham”.

O propósito dessa ação pedagógica é fazer a garotada refletir sobre a dinâmica do trabalho e suas variações ao longo do tempo histórico. A comparação entre o ontem e hoje é o elemento central dessa pesquisa, o que possibilita ao educando uma viagem pelo medievo e civilizações clássicas [Grécia e Roma], sob a ótica do trabalho. Informou Daniele.

“Como e por que os homens trabalham” é um tema que inspira curiosidade e desfio à garotada dos 6º e 7º ano. A apresentação do tema se resume a uma breve fala sobre o Dia Internacional do Trabalho [1º maio] e seu significado sócio-histórico. Completada esta etapa os alunos são instruídos a prepararem uma apresentação comparativa acerca da situação do trabalho e trabalhador no tempo histórico. Afinal, o que permaneceu ou se modificou? O que é semelhante ou diferente no trabalho nosso de cada dia?

Entrevistas com pais, amigos, profissionais da escola e outros é uma das fontes de pesquisa proposta pelo artigo, bem como uma bibliografia qualificada e uso da internet quanto potenciadora de visitas virtuais a museus e casas de cultura que estejam sintonizadas com a temática. Nessa coleta de informações, os alunos serão estimulados a buscarem fotografias, mosaicos, pinturas, enfim, todo um instrumental que permita os alunos a visualizarem a evolução do trabalho.

Nesses estudos, afirma Daniele, os professores devem apresentar à turma as características que marcam o mundo do trabalho atual [salário, variedades de atividades e expedientes trabalhados, bonificações etc.], para só depois mergulharem no passado histórico.

A subsistência apresenta-se em todos os tempos como a principal causa do trabalho humano, independente da relação empregador-empregado e forma de trabalho. Conceitos como trabalho escravo [Grécia e Roma], trabalho servil [Idade Média] e trabalho assalariado [tempos contemporâneos] serão percebidos e diferenciados pelos jovens, que entendem as circunstâncias que determinaram essas relações de trabalho.

Trabalho em nossos dias está ligado a uma decisão pessoal; hoje, mas do que em qualquer outra época, possibilita ascensão social, realização pessoal, liberdade do trabalhador frente ao empregador e, por fim, torna a busca pela qualidade de vida não um sonho distante, mas uma realidade próxima.

Diante de circunstâncias tão diversas dos tempos antigos somos impulsionados a acreditar que nossos dias são melhores que o passado distante, contudo esse é um grande erro, visto que são épocas e contextos diferentes; portanto, devem ser respeitados, concluiu Daniele.

Jerônimo/Ariadna - Blog Bereiano

sexta-feira, 23 de março de 2012

The Bands e Shakespeare: Um jeito diferente de se aprender inglês.



A busca pela renovação é uma constante no Colégio Bereiano; ideias e vontade não   faltam       aos   nossos professores. Um bom exemplo desta afirmativa são os projetos de inglês   The    Bands   e   Shakespeare, desenvolvidos no ensino médio pelo professor Edmério Lúcio.

Segundo o professor, o objetivo desses projetos é o desenvolvimento da oralidade, vocabulário e conhecimento da cultura de povos que têm o inglês como sua primeira ou segunda língua. Outro ponto importante diz respeito ao estimulo à criatividade do educando. A maneira como os alunos apresentaram e apresentarão seus trabalhos é livre, o que gera oportunidade para ações individuais ou coletivas, pautadas na qualidade da informação.
Para atingir os objetivos propostos é facultada ao aluno toda uma orientação de como proceder na pesquisa, na formatação dos dados coletados e apresentação. No “The Bands”, por exemplo, dados acerca da biografia da banda, perfil dos seus componentes, análise de uma música (letra) e a sua discografia são particularidades que o aluno deve estar atento quando da confecção do seu projeto.

O desenvolvimento desse trabalho se dá em três etapas distintas: A primeira é a escrita. Nesta fase os alunos fazem o levantamento dos dados bibliográficos pertinentes a seu objeto de estudo. No segundo momento, temos a apresentação dos seminários. Como no projeto visamos à criatividade dos educandos, são facultados aos mesmos todos os recursos tecnológicos disponíveis na escola, para que a sua apresentação tenha a qualidade esperada. Em terceiro lugar, o grupo apresenta um clipe gravado [cover; dublagem; coreografia] com a síntese do seu produto. É importante ressaltar que para cada turma temos em média cinco grupos de interesse. Portanto, a diversidade é garantida, bem como a informação.

Bandas como Beatles, Scorpions, Red hot chili peppers e Rolling Stone estão na lista das mais apreciadas. O interessante é que alguns destes grupos pertencem a uma cultura musical bem diferente dos nossos jovens, mas, por influência dos pais ou responsáveis, elas são bem cogitadas no meio da garotada. Expressões idiomáticas, vocabulários e todo o conteúdo trabalhado em sala de aula vêm à tona com os clássicos do rock, das baladas e outras opções musicais. É surpreendente assistir às apresentações e perceber como os jovens se envolvem entusiasticamente com elas.

Aprender brincando! Esta é, sem dúvida, a razão do sucesso do “The Bands e Shakespeare”. Existe uma quebra do formalismo de sala de aula; na verdade, extrapolamos este ambiente e ousamos criar, experimentar, fazer o novo ou dar ao antigo uma nova roupagem, mais alegre e eficiente para a aquisição do conhecimento. Sabemos que aprendemos mais quando a informação está aliada a uma prática e ambas unidas pela emoção.

“The Bands e Shakespeare” é isto.

Dia do ex-aluno Bereiano

Atenção, Galera!

Dia 31/03 [sábado], a partir das 9 horas, você tem um encontro marcado com o Colégio Bereiano.  É o momento para rever os amigos e aqueles professores que fizeram parte da sua história acadêmica. Estamos preparando uma programação para mexer com as suas emoções e fazê-los lembrar dos bons tempos vividos aqui nesta escola. 

Venham preparados também para sorrir, cantar [banda do aluno Rodolfo], tomar banho de piscina, jogar bola e participar de muitas brincadeiras. Vai ser um momento de muita descontração. Fechando com chave de ouro, o Pré/2012 estará oferecendo o almoço que custará R$ 10,00, visando à formatura do final de curso.

Não fique de fora, participe e estenda o convite a outros. Lembre-se de que você é, já foi ou será um dia PRÉ. Estamos esperando por você!
Comissão de Formatura do Pré/2012. 

Reunião Pedagógica - Bereiano

Conforme calendário escolar, estamos lembrando que sábado próximo, dia 24/03/2012, às 8 horas, teremos nossa reunião pedagógica. Sua presença é imprescindível para o bom funcionamento do processo escolar. Teremos alguns assuntos importantes a tratar e ajustes pedagógicos a fazer. Contamos com a presença de todos os professores.

Profa. Adriana Campos.

sexta-feira, 16 de março de 2012

41º Concurso Internacional de Redação de Cartas - Correios.

Eduardo Garcia e Samara Vasconcelos - 6º ano.
Nesta semana, o Colégio Bereiano escolheu através de um concurso interno os alunos Eduardo Garcia Busto e Samara Vasconcelos Saraiva de Souza, do 6º ano, para representá-lo no  41º Concurso Internacional de Redação de Cartas, promovido pelos correios.

A orientação do projeto na escola coube aos professores de língua portuguesa Nathalie, Alcides e Dilma, que inicialmente apresentaram aos alunos a estrutura do gênero carta e o tema que seria desenvolvido por eles:  “Escreva uma carta a um atleta ou a uma personalidade esportiva que admira para lhe dizer o que significam os Jogos Olímpicos para você”.

Momento de reescrita
A forma como os alunos iriam redigir seus textos era livre. Enquanto que alguns trilharam pelo caminho da formalidade, outros adotaram a informalidade e o mito como meio de expressar seu carinho e admiração ao atleta ou personalidade escolhida. Quanto à avaliação dos textos, os professores usaram como critério de seleção a fidelidade ao tema, a criatividade e a estrutura do gênero.

O próximo desafio é a etapa regional, na qual Eduardo e Samara estarão concorrendo com os demais alunos do nosso Estado. “Estou muito feliz em ter ganhado o concurso escolar e espero em Deus sucesso na etapa regional”. Assim se expressou a aluna Samara Vasconcelos, com um largo sorriso no rosto. Com certeza, o aluno Eduardo também compartilha dessa mesma esperança.

Dia internacional da Mulher e Dia da Poesia.



Nesta última quarta feira, 14 de março, o Colégio Bereiano comemorou o Dia da Poesia e o Dia Internacional da Mulher com um sarau poético, sob a responsabilidade de professores e alunos do Fundamental I.
O objetivo dessa atividade, segundo a Profa. Josélia Oliveira, era despertar nas crianças a importância da leitura e escrita para sua vivência acadêmica e secular. As turmas do segundo ao quinto ano foram as escolhidas para participarem do evento e puderam contribuir de forma direta para o bom andamento do projeto.
As apresentações foram diversas: o 2º ano ficou responsável por um acróstico; o 3º por uma poesia (“Mulher”) e uma canção de Sandy e Júnior (“Era uma vez”); o 4º e 5º anos tiveram apresentações diversas, sendo a homenagem especial pelos 100 anos de Luís Gonzaga um momento de muita emoção, informou a professora.
A Profa. Stânia Helena Montenegro sentiu-se realizada com o Sarau Poético. Trabalho que nasceu como consequência natural do processo de ensino-aprendizagem que, nessa oportunidade, versou sobre a poesia. Além das poesias clássicas da nossa literatura, os educando foram estimulados a produzirem seus próprios textos poéticos, sendo estes, mais tarde, alvo da confecção de um livro, informou a professora.

Ato Arte – 2011


Todos os anos entre os meses de outubro e novembro o Colégio Bereiano faz uma edição especial do Ato Arte que, em 2011, ocorreu no dia 05 de novembro.

“É um belíssimo momento artístico, através do qual alunos, professores e colaboradores, por meio da dança, do teatro e da música, apresentam o Projeto Anual da escola” – Afirmou a Profa. Adriana.

Por ser o último trabalho acadêmico do ano, reveste-se de uma importância singular. A socialização, a superação da timidez, o autocontrole e a descoberta dos dons artísticos são alguns dos bônus extras que o projeto Ato Arte traz para toda comunidade escolar.

Emoção! Esta foi a palavra de ordem do Ato Arte 2011, no entendimento de Sthenyo Brasil, intérprete do personagem Jesus na peça. “Ouvi um depoimento de um pai que se emocionou profundamente com a mensagem do espetáculo”. Esse mesmo pensamento é compartilhado por Josimar Ferreira, que ajudou na organização do evento e participou da peça CONHECENDO O FILHO DE DEUS.

O segredo do sucesso da programação do Ato Arte estava no esforço pessoal de cada colaborador e na graça divina. “Foram muitas horas de ensaios durante todo o ano, por parte dos atores, músicos ou bailarinos”. Afirmou Sthenyo.

É importante frisar que à frente desse trabalho encontram-se a incansáveis Professores Renata e Alexandre. Foram eles que desenvolveram, ao longo de 2011, as oficinas de dança, música e teatro. Para o aluno Davi que participou do grupo de dança essa atuação sistemática dos professores gerou em todos os participantes a segurança necessária para o desenvolvimento do trabalho.

Por fim, o Colégio Bereiano, através do Ato Arte, tem sido instrumento nas mãos de Deus para anunciar o evangelho de forma clara e simples, a fim de que todos possam CONHECER [JESUS CRISTO] O FILHO DE DEUS.






sexta-feira, 9 de março de 2012

Projeto “Dia Internacional da Mulher”

08 de Março! Um dia que é lembrado internacionalmente. 

Os alunos do 7º ano usaram toda a sua criatividade e elaboraram “acrósticos” com os nomes de algumas funcionárias do Colégio Bereiano. Uma homenagem que fizeram, listando, através dos nomes, diversas qualidades que se destacavam nelas.

Esse trabalho literário foi coordenado pela professora de língua portuguesa Nathalie Rose Araújo, com o apoio da coordenadora pedagógica Adriana Campos Cavalcante. Além de honrarem algumas mulheres da escola, uniram o útil ao agradável, com a aquisição de mais um gênero textual. Valeu a homenagem, queridos alunos!


video

Trabalho Escolar - Profa. Regina Célia

Nesta semana, a professora de geografia do Fundamental II, Regina Célia, iniciou uma série de seminários com as turmas do 6º ao 9º ano, abordando temas geográficos variados. As turmas foram divididas em equipes e tiveram 15 dias para desenvolvê-los e apresentarem aos demais colegas.

As apresentações tiveram início nessa quinta-feira e prosseguem até o dia 15 de março. Os objetivos deste trabalho são vários, afirmou a professora:

  1. Socialização.
  2. Repasse de conteúdos aprendidos.
  3. Desenvolvimento de expressão oral.
  4. Manuseio de tecnologias aplicadas à educação.

Profa. Regina Célia 


A professora Regina destacou o emprenho dos alunos do 6º ano: “Nesta turma os alunos apresentaram seus temas com segurança, chegando a inovar as apresentações com o uso do Prezi [Vitor Linhares; Anrsy Ysrna; Rafael Brito].

quinta-feira, 8 de março de 2012

Projeto “Dia Internacional da Mulher”


Pensando em homenagear as Mulheres no dia 08 de Março, a professora Wanderleia (Arte) e os alunos do 6º ao 9º ano desenvolveram uma atividade artística, sob orientação da coordenação pedagógica, cuja finalidade principal era honrar esse ser criado por Deus. Nada melhor do que a simplicidade e a beleza de uma flor, confeccionada pelo próprio aluno, para simbolizar aquela que sempre está presente em nossos dias:
A você, MULHER, o nosso reconhecimento!

Dia Internacional Da Mulher

segunda-feira, 5 de março de 2012

1ª Reunião do Ensino Fundamental II [7º, 8º e 9 ano].

Senhores  pais e/ou responsáveis,                                                    
Natal, 27 de fevereiro de 2012.

A integração entre escola e família é de fundamental importância para o desenvolvimento e desempenho escolar do aluno. Acreditando nessa parceria, marcamos a 1ª reunião do Ensino Fundamental II (7º, 8º e 9º ano), que acontecerá nos dias abaixo:

Fundamental II
Data e local
7º ano
02/03/12 (sexta-feira), às 18h, no auditório da escola.
8º ano
05/03/12 (segunda-feira), às 18h, no auditório da escola.
9º ano
08/03/12 (quinta-feira), às 18h, no auditório da escola.

No momento, trataremos de algumas questões específicas do segmento. 
Pedimos a colaboração dos senhores devolvendo-nos o canhoto abaixo, confirmando a sua presença. Caso não possa comparecer, pedimos que envie um representante responsável.

Atenciosamente,

Coordenação Pedagógica.

quinta-feira, 1 de março de 2012

Reunião de Pais - Colégio Bereiano – 25.02.2012



Nesse sábado, 25 de fevereiro do ano em curso, tivemos nosso primeiro encontro de pais no Colégio Bereiano. As palavras de boas vindas foram dadas pelo diretor Marcelo Moura, que aproveitou a ocasião para apresentar a todos a missão e visão do Colégio Bereiano, bem como sua equipe de coordenadores que se fazia presente na figura da profa. Marileuda Moura Silva dos Prazeres, coordenadora do Ensino Infantil, Profa. Telma Maria de Medeiros, coordenadora do Fundamental I, profa. Adriana Campos Cavalcante, coordenadora do Fundamental II, Profa. Eliane Karla Malveira da Silva, orientadora educacional, e prof. Sthenyo Brasil, auxiliar de coordenação do Ensino  Médio que no momento representava a coordenadora desse seguimento, Profa Claudia Brady.

Concluída essa parte inicial, a palavra foi facultada às coordenações de ensino e disciplina. A pauta da reunião versou sobre os seguintes temas:

·         Apresentação dos professores de cada segmento de ensino.
·         Divulgações de informes pertinente às coordenações pedagógicas.

Em sua participação a Professora Marileuda [Ensino Infantil] destacou a necessidade dos pais observarem o horário de aula dos seus filhos, bem como estarem atentos às programações contempladas no calendário escolar desse segmento; nesse sentido, destacou a formatura do ABC que ocorrerá no final do ano. A pauta do Fundamental II e Ensino Médio contemplaram os seguintes pontos:

a.      Projeto Anual do colégio – “Conhecendo o Espírito Santo de Deus”. Este é o tema gerador do nosso Projeto Anual – 2012.  À semelhança das edições anteriores, a escola se propõe a discutir questões espirituais em temas científicos. A estrutura do projeto pressupõe a divisão do tema em subgrupos e por sala de aula. Aspectos como habitação do Espírito Santo de Deus, Frutos do Espírito, leva os educando a estudarem tipos de habitações ao longo da história e culturas e a importância das frutas em nossa alimentação diária e outros. A metodologia aplicada nesse trabalho foi distribuída nos três trimestres de 2012, como se encontra abaixo:

·        No primeiro trimestre os alunos fazem um levantamento bibliográfico que se caracteriza pela coletânea de textos, capítulos de livros, a bíblia e outros materiais que contemplem seu objeto de pesquisa. A essa etapa chamamos de Pré-projeto.
·        No segundo trimestre teremos a produção e apresentação da monografia com base na orientação do professor e material coletado na fase anterior.
·        No terceiro trimestre teremos a Amostra Científica, que é a parte prática do projeto, ou seja, sua materialidade.

b.      Agenda do aluno – Os pais foram aconselhados a acompanharem a vida escolar dos seus filhos através da agenda do aluno. A profa. Adriana explicou aos presentes que todas as atividades escolares, bem como programações desenvolvidas pelos professores são devidamente registradas na agenda do aluno, sendo esta uma ótima ferramenta para os pais ou responsáveis acompanharem o processo de ensino-aprendizagem dos seus filhos.

c.    Olimpíadas – Foi apresentado aos pais o excelente resultado alcançado pela escola nas Olimpíadas de 2011. Um exemplo dessa realidade foi a premiação alcançada por nossos alunos na olimpíada do OBA [Olimpíada Brasileira de Astronomia]. Nessa olimpíada ganhamos duas medalhas: bronze [2010] e prata [2011]. Resultados expressivos foram também alcançados nas olimpíadas de matemática, geografia, biologia, química e física. Diante do exposto, a coordenadora pediu um maior empenho dos pais, haja vista que o colégio precisa dessa parceria quando da disputa da etapa regional. Nessa fase da competição, os alunos são obrigados a se deslocarem de Natal para outros centros regionais, o que não tem sido possível por enquanto.

d.      Concursos – Foi dito que é política do Colégio Bereiano incentivar seus alunos a participarem de concursos escolares locais ou nacionais, com o objetivo de criar ou desenvolver habilidades da escrita tão necessárias à vida moderna, e destacou como exemplo dessa prática os seguintes concursos: Concurso de redação dos Correios, Concurso de Redação do 16RI [Batalhão de Infantaria], no qual o aluno Rafael Andrade Rego conquistou uma medalha por seu excelente desempenho e o Concurso de Robótica, no qual o aluno Darlan Antônio de Lima Sá foi medalhista.

e.      Projeto do paradidático – A profa. Adriana informou ter remetido um comunicado aos pais com a relação dos paradidáticos que serão usados no presente ano. Afirmou também que é prática do Bereiano adotar dois títulos por trimestre e que os temas trabalhados nos paradidáticos serão cobrados nas avaliações. Ainda sob esse assunto, comunicou que já estão disponibilizados na secretaria da escola os paradidáticos do primeiro bloco.

f.       Avaliação – Os pais tomaram ciência das mudanças ocorridas em nosso sistema de avaliação. Continuamos com a chamada Nota Livre ou AV1, porém a distribuição da pontuação se dará de forma diferente do ano anterior. Neste ano as notas ficarão assim formatadas:

·       Projeto: 3,0;
·       Teste: 5,0;
·       Paradidático ou trabalhos: 2,0.

Contudo, no terceiro trimestre o paradidático será substituído pelo relatório da aula de campo, que terá a mesma pontuação.

AV2 não sofreu modificação e continuará valendo 10,0. O total das duas avaliações será dividido por dois, o que determinará a nota trimestral. Para aqueles que ficarem abaixo de 7,0 [sete pontos] teremos aulas e prova de retomada, só que no contraturno do aluno. A dependência foi outro assunto abordado pela professora. Concluindo, pediu a participação da família no acompanhamento de todas as ações educativas promovida pelo Bereiano, visto que é de vital importância para o bom andamento do processo de ensino-aprendizagem do aluno.

Retomando a palavra, o diretor Marcelo Moura perguntou aos pais se tinham alguma dúvida acerca dos assuntos abordados pelas coordenações, o que suscitou algumas intervenções que foram sendo respondidas na medida em que se manifestavam. Ainda em sua exposição, falou sobre o funcionamento da oficina de robótica e das escolinhas de esportes.

Nesse item elencou as diversas modalidades esportivas oferecidas pelo Bereiano [tênis de mesa, taekwondo, judô, balé, natação, futsal e voleibol], conclamando os pais a investirem nos esportes.

Eliane, que responde pela coordenação de disciplina do Fundamental II e Ensino Médio nos falou sobre a Festa da Colheita e Ato Arte. Em sua intervenção nos fez entender que esses programas são de grande importância para a escola, visto que fecha os dois semestres do ano, além de representar uma oportunidade ímpar para as crianças desenvolverem habilidades artísticas, sob a coordenação da profa. Renata Alves e do professor José Alexandre [Música]. Para exemplificar a grandeza desse trabalho nos trouxe a memória o Ato Arte de 2011, que foi avaliado positivamente pelos pais. 

Sthenyo Brasil nos informou sobre o funcionamento do Pré-Vestibular. Em sua exposição falou do Fórum e dos Simulados, eficientes instrumentos de preparação dos nossos jovens.

Finalizando a reunião, o diretor Marcelo Moura abordou a questão do fardamento e do horário escolar. Nesse sentido, frisou a necessidade dos alunos chegarem à escola no horário pré-estabelecido e com o fardamento apropriado. Aqui o ensino é duplo, destacou o diretor: “fortalece a necessidade de se cumprir regras e disciplina os jovens a serem bons mordomos do tempo”.
Olimpíada Matemática Canguru - 2012
CARTAZ DO  CONCURSO INTERNACIONAL DE REDAÇÃO DE CARTAS
Comunicado - Circular Matriculas de Robotica
Colégio Bereiano - Horarios escolinhas 2012

A Importância das Cosmovisões

Rev. Dr. Augustus Nicodemus Lopes
Chanceler da Universidade Presbiteriana Mackenzie
 
“Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o coração, porque dele procedem as fontes da vida” (Provérbios 4.23).

Uma das lições mais importantes que aprendi nos meus estudos para o doutorado em interpretação bíblica, com reflexos para minha compreensão da vida como um todo, foi que não existe leitura de um texto que seja absolutamente neutra e objetiva. Nisso me ajudaram Derrida, Foucault, Gadamer, Ricouer e outros profetas e precursores das chamadas novas hermenêuticas.

Isso que é verdade quanto à leitura de textos também é verdade quanto à leitura da realidade. Todos nós enxergamos a vida através dos óculos formados por nossas experiências, nossos preconceitos e pressupostos e acima de tudo, nossas crenças.

Muitos autores contribuíram a derrubada do mito da neutralidade defendido no Iluminismo e que se tornou padrão na academia. Entre eles menciono o historiador da ciência Thomas Kuhn, cujo livro “A Estrutura das Revoluções Científicas” (1962) representa um marco nessa disciplina. O argumento de Kuhn, em linhas gerais, é que, ao contrário do que postulava o positivismo científico, os cientistas não são meras máquinas de análise e registro de informações – são pessoas de carne e osso, com sentimentos, emoções e intuições. Eles não registram passivamente suas observações, mas projetam ativamente as suas crenças. As suas experiências pessoais servem para formar os paradigmas, que são estruturas dominantes que organizam os experimentos que eles realizam.

Em suma, as revoluções científicas avançam, não quando surgem novas descobertas, as quais são incorporadas e absorvidas aos paradigmas dominantes – mas quando os paradigmas mudam. Com isso Kuhn destacou e firmou a importância dos paradigmas e dos pressupostos nas áreas do conhecimento. Ele valorizou as crenças e convicções das pessoas ao lerem e interpretarem a realidade ao seu redor.

É nesse contexto que falamos da importância e da legitimidade de uma visão de mundo (“cosmovisão”, Weltanschauung, termo usado primeiramente por E. Kant). Uma cosmovisão é uma maneira de ver o mundo de acordo com aquilo que se crê.  De acordo com Ronald Nash, destacado filósofo cristão, em sua obra Questões Últimas da Vida (2008), existem cinco crenças mais importantes que definem a cosmovisão de alguém:
Deus – ele existe? Qual sua natureza? Há mais de um Deus?
Metafísica – qual o relacionamento de Deus com o universo? O universo existe? Qual sua origem?
Epistemologia – é possível saber, entender e conhecer? Existe verdade?
Ética – existem leis morais que regem a conduta humana? Elas são absolutas ou relativas?
Antropologia – o ser humano é apenas corpo ou materialidade, ou tem uma dimensão espiritual? Qual sua origem? Existe vida após a morte?

Aquilo que as pessoas acreditam sobre esses cinco pontos haverá de tingir os óculos com que elas enxergam e decifram o mundo ao seu redor, e haverá de influenciar de forma decisiva seu relacionamento consigo mesmo, com o próximo, com o mundo, em casa, no trabalho e na sociedade como um todo.
O livro de Provérbios já falava da importância do coração e da mente (leb em hebraico) para a compreensão da totalidade da vida (vide acima Provérbios 4:23). É nesse contexto que falamos da importância e da legitimidade de uma visão de mundo que parta dos valores teóricos e morais do Cristianismo, e que faça parte dos paradigmas e matizes que orientam nosso labor acadêmico nas instituições de ensino onde servimos a Deus.

Uma visão de mundo cristã deveria levar em conta a existência de um Deus pessoal e sua ação na história; a revelação que ele faz de si mesmo nas Escrituras judaico-cristãs; o ser humano criado à imagem de Deus; a presença e a realidade do mal nesse mundo; o mundo e suas leis como expressão do caráter desse Deus – poder, bondade, justiça, sabedoria.

Dado que não existe neutralidade na academia, sempre teremos paradigmas que dependem de visões de mundo. Há muitos deles: marxismo, humanismo, ateísmo, agnosticismo, materialismo, para nomear algumas. Se não podemos escapar de termos uma cosmovisão, que abracemos em nossos labores a visão cristã de mundo, que está em nossas raízes, como instituição cristã de ensino.